O que é uma call to action? Certamente você já deve ter ouvido falar desse conceito ao estudar sobre marketing de conteúdo, seja em referência a artigos de site ou e-mails marketing.

Essa é uma das expressões características do marketing digital, por isso, se você quer crescer como empresário online, é importante entende-la. Então, esse artigo explica como você pode criar uma Call to Action e oque é

O que é Call to Action?

Fonte: Freepik

Aprenda o que é uma CTA

Call to action, ou, abreviando, CTA, é uma expressão em inglês que, traduzida, significa “chamada para ação”. Ou seja, ela é um convite para alguma ação específica.

Dentro do marketing digital, a call to action normalmente funciona como uma instrução dada ao usuário, indicando o que ele deve fazer após consumir um conteúdo. Então, por exemplo, quando você recebe um e-mail divulgando uma promoção e ele tem, no final, um botão que diz “compre aqui”, essa é uma call to action. A ação, no caso, é o ato de comprar.

Mas nem sempre a call to action precisa estar diretamente relacionada a vendas. Afinal, o objetivo maior de uma chamada para ação é manter o usuário interagindo com o seu conteúdo. O importante é manter o engajamento, oferecendo uma nova opção de conteúdo depois que ele terminar de consumir o atual.

Assim, no caso de um artigo de blog, a call to action pode ser um convite para baixar o ebook da empresa, por exemplo.

O que é importante que você saiba, ao entender o que é uma call to action, é que ela sempre deve estar de acordo com o tema do conteúdo em que ela aparece. Ou seja, a ação para a qual ela convida deve ser vista como uma próxima etapa apropriada para o conteúdo em questão. A ideia é que o usuário se sinta inclinado a fazer o que uma call to action o chama a fazer.

Leia também: 5 erros que prejudicam a sua estratégia de SEO

Saiba o que é Call to Action

Fonte: freepik.

Criando uma call to action efetiva

A primeira coisa que você deve entender sobre a criação de uma call to action é que a chamada para ação deve variar de acordo com o formato do conteúdo. Então, você não vai usar a mesma call to action para um artigo, por exemplo. É preciso manter todos os elementos do conteúdo coerentes, inclusive a CTA.

Sendo assim, o próximo passo é entender que a call to action deve ser curta. Isso porque ela precisa ser simples e direta, para não confundir o usuário. Desse modo, coisas como “clique aqui” ou “compre aquisão chamadas para ação efetivas. Instruções muito complexas vão fazer com o que o usuário não atenda ao seu convite.

Finalmente, é uma boa ideia pensar em formas de tornar a sua call to action mais atraente. E uma maneira certeira de fazer isso é criando urgência com termos específicos. Palavras como “hoje” e “agora” são ótimas para gerar um senso de imediatismo que aumenta a probabilidade do usuário seguir as suas instruções.

Saiba mais: Dicas de design para e-mail marketing

Agora que você já entende o que é uma call to action, está na hora de começar a aprender mais sobre outros conceitos de marketing digital. E, para isso, o ideal é ter a ajuda de profissionais na área. A Agência IMMA é uma agência de marketing digital que oferece serviços para empresas de qualquer porte. A empresa está preparada para contribuir para o crescimento da sua marca e tirar todas as suas dúvidas a respeito. Entre em contato e faça o seu orçamento!

Rodrigo Darzi

Rodrigo Darzi

Pai de 2 filhos. Especialista em Marketing Digital. MBA em e-Business pela FGV. Formado em Administração de Empresas pelo IBMEC. Empreteco.

× Como podemos ajudar?