O marketing de conteúdo é um tipo de marketing digital que faz muito sucesso por ser muito versátil e de baixo custo. Afinal, não é preciso fazer um investimento monstruoso para postar no blog da empresa algumas vezes por semana. No entanto, se você quer manter um ritmo de atualizações constantes no seu site, às vezes pode encarar uma dificuldade em encontrar temas relevantes para gerar conteúdo. Sendo assim, criamos esse texto para você aprender como gerar pautas para os textos do seu blog. Venha com a gente e descubra!

É necessário que a produção de conteúdo seja constante

Fonte: freepik.

Como gerar pautas para os textos do seu blog

No marketing de conteúdo, é necessário que a produção de conteúdo seja constante para manter uma relação estável entre a marca e o usuário que consome. Ou seja, no caso de um blog, o ideal é postar pelo menos uma vez por semana para manter seu site atualizado e com conteúdo relevante para atrair novos usuários.

Mas sabemos que nem sempre é fácil saber sobre o que escrever. Por isso, separamos algumas formas boas para gerar pautas para os textos do seu blog.

Leia também: 5 dicas para produzir textos para seu blog

Pense nas palavras-chave

As palavras-chave são os termos que são digitados na barra de busca do Google quando um usuário quer procurar por alguma coisa. Isso significa que as palavras-chave representam dúvidas, curiosidades e problemas que podem gerar ótimas pautas para artigos no seu blog.

Desse modo, uma boa forma de conseguir assuntos para abordar é digitar no Google uma palavra-chave que tenha a ver com a sua área (como, por exemplo, “design”) e prestar atenção nas buscas sugeridas que aparecem logo embaixo. Se você digitar, então, “design”, e aparecer a sugestão “design e marketing digital”, você já tem aí um bom tópico para um artigo. Afinal, se a busca foi sugerida, é porque tem usuários interessados naquele assunto.

As palavras-chave são os termos que são digitados na barra de busca do Google

Fonte: freepik.

Crie uma persona e imagine os problemas que ela pode ter

Criar uma persona é uma ótima forma de gerar pautas para os textos do seu blog. Isso porque a criação de um perfil abstrato de um cliente ideal permite que você tenha um personagem para o qual direcionar todos os seus artigos. Sendo assim, basta pensar no que a sua persona de marketing gostaria de ler.

Um caminho certeiro é pensar em possíveis problemas que possam estar incomodando a sua persona e que o seu serviço poderia solucionar. A partir daí, você só precisa resumir esse problema em uma palavra-chave específica e criar um texto oferecendo as soluções que o usuário está buscando. Desse modo, os seus assuntos se mantêm relevantes, sempre sendo úteis para o seu público-alvo.

Saiba também: Por que ter um estilo de escrita é importante para o seu blog 

Mantenha-se atualizado no que diz respeito à sua área

Tudo está em constante transformação. Isso quer dizer que, independentemente de qual for a sua área, sempre haverão coisas novas para escrever a respeito. Mas, para isso, é preciso que você se mantenha atualizado a todas as inovações e mudanças da sua área.

Assim, se você trabalha com mídias sociais, por exemplo, e o Instagram ou o Facebook tiveram uma nova atualização, você pode escrever um texto a respeito. Se você for uma das primeiras pessoas a falar sobre o assunto, melhor ainda, porque isso irá gerar ainda mais tráfego para o seu site.

Se mantenha atualizado a todas as inovações e mudanças da sua área.

Fonte: Freepik

Contrate uma agência de marketing digital para produzir o seu conteúdo

Às vezes, é melhor deixar a produção de conteúdo nas mãos de um profissional da área. Afinal, uma agência especializada sabe como gerar pautas para os textos do seu blog, o que permite que você, empresário, foque em administrar o seu negócio. A Agência IMMA é uma boa opção para terceirizar esse e outros serviços de marketing digital. Entre em contato com a empresa e faça o seu orçamento!

Rodrigo Darzi

Rodrigo Darzi

Pai dos filhos Júlia e Pedro. Especialista em Marketing Digital, com MBA em e-Business pela FGV. Formado em Administração de Empresas pelo IBMEC. Empreteco.

× Como podemos ajudar?