Uma campanha de e-mail marketing é uma excelente estratégia de marketing para aumentar as vendas da sua empresa. Afinal, já sabemos que o e-mail é considerado o canal de marketing que tem o ROI (retorno sobre investimento) mais vantajoso. Ou seja, é uma tática que pode trazer muito retorno para a sua marca. Por isso, separamos algumas dicas para melhorar as suas campanhas de e-mail marketing. Seguindo essas sugestões, você pode maximizar o efeito da sua campanha e até multiplicar as suas vendas. Confira!

você pode maximizar o efeito da sua campanha e até multiplicar as suas vendas

Fonte: Freepik

6 dicas para melhorar as suas campanhas de e-mail marketing

Fazer uma boa campanha de e-mail marketing requer, antes de qualquer coisa, muita pesquisa. É preciso que você comece traçando os objetivos da sua campanha. Só assim você vai poder avaliar corretamente os resultados que você obtiver.

Mesmo assim, existem algumas dicas para melhorar as suas campanhas de e-mail marketing que podem ser muito vantajosas para a sua empresa. Vejamos, então, algumas delas.

 

Tenha uma boa lista de contatos

Montar uma lista de contatos para a sua marca é um trabalho muitas vezes difícil, mas que precisa ser realizado. É importante que a sua lista de contatos contenha leads qualificados, ou seja, pessoas que realmente demonstraram interesse no que você tem a oferecer.

É importante que a sua lista de contatos contenha leads qualificados

Fonte: Freepik.

Por isso, acima de tudo, evite comprar uma lista de contatos pronta. Normalmente, muitos dos endereços de e-mail nessas listas são contas fantasmas ou abandonadas. Além disso, mesmo se seus usuários forem ativos, há muitas chances deles não se interessarem pelo seu produto, o que significa que você não obterá retorno para o e-mail em vendas. Sendo assim, na hora de montar a sua lista de contatos, dê preferência à qualidade e não à quantidade.

 

Escolha um assunto chamativo

O assunto do seu e-mail é a primeira parte da mensagem que o destinatário vai ler. Muitas vezes, é ele que vai decidir que a pessoa vai abrir o seu e-mail ou não. Desse modo, procure escolher um assunto chamativo e instigante. Evite, então, assuntos genéricos e palavras típicas de spam, como “grátis”, “clique aqui”, “free” e muitas outras. Assuntos assim podem fazer o seu e-mail ir direto para a lixeira.

 

Invista em um bom trabalho de design

O design para e-mail marketing deve ser muito direto e simples. A ideia é que o usuário entenda do que se trata o seu e-mail com um único olhar, sem precisar pensar muito. Por isso, vale a pena investir um bom trabalho de design para melhorar as suas campanhas de e-mail marketing. Às vezes, um layout moderno e interessante pode fazer toda a diferença.

Um layout moderno e interessante pode fazer toda a diferença.

Fonte: Freepik.

Não esqueça da CTA

A CTA, ou call to action (em português, “chamada para a ação”) é uma instrução que você dá ao usuário, para ele saber o que fazer depois de ler o seu e-mail. Ela é fundamental para que o usuário continue interagindo com o seu conteúdo. Sendo assim, use CTAs diretas e eficazes, como chamadas curtas e simples.

Crie uma frequência de envios moderada

Se você lotar a caixa de entrada do usuário com e-mails, o mais provável é que ele termine desfazendo o cadastro dele na sua lista. Mas isso não significa que você só pode mandar e-mails uma vez por ano, também. O ideal é encontrar um equilíbrio, mandando e-mails regularmente sem exagerar.

Encontre um equilíbrio, mandando e-mails regularmente sem exagerar.

Fonte: Freepik.

Contrate uma agência para melhorar as suas campanhas de e-mail marketing

A melhor fonte de dicas para melhorar as suas campanhas de e-mail marketing sempre vai ser uma agência especializada no assunto, como a Agência IMMA. Nossa equipe prepara grandes campanhas para qualquer empresa, sempre focando nos seus objetivos. E aí, quer saber mais? Entre em contato com a gente e faça o seu orçamento!

Rodrigo Darzi

Rodrigo Darzi

Pai dos filhos Júlia e Pedro. Especialista em Marketing Digital, com MBA em e-Business pela FGV. Formado em Administração de Empresas pelo IBMEC. Empreteco.

× Como podemos ajudar?