Vender em um marketplace, como o do Facebook ou da OLX, é uma ótima possibilidade para vendedores que ainda estão começando a promover suas marcas. Afinal, essas são plataformas que permitem um acesso amplo a muitos públicos diferentes. No entanto, é preciso saber usá-las de maneira correta para obter bons resultados. Por isso, separamos esta lista de 5 erros para evitar no marketplace. Confira!

5 erros para evitar no marketplace

Fonte: freepik.

5 erros para evitar no marketplace

Em um espaço como um marketplace, onde existem muitos possíveis compradores, é importante que o empresário se lembre que também existem muitos outros vendedores. Em outras palavras, trata-se de um espaço que carrega muita concorrência.

Por conta disso, é fundamental que você faça um bom trabalho de marketing para se destacar na plataforma. E é preciso evitar os erros que podem pôr tudo a perder. Vejamos, então, os principais deles a seguir.

Achar que todos os marketplaces são iguais

Um marketplace é uma plataforma individual. Isso significa que diferentes marketplaces têm diferentes práticas e características.

É importante ressaltar isso porque um dos maiores erros cometidos por vendedores que querem vender no marketplace é achar que todos os marketplaces são iguais, e que, portanto, dá para adotar as mesmas estratégias em todos. Na realidade, essas plataformas podem ser muito diferentes.

Sendo assim, como vendedor, você deve, antes de qualquer coisa, escolher a plataforma que é melhor para você. Isso significa considerar questões como: Quem são as pessoas que compram através dessa plataforma? Quais são as taxas envolvidas para vender nesse site? Em qual nicho ele é focado?

Essas perguntas ajudarão você a entender melhor cada marketplace e decidir qual é o melhor espaço para vender os seus produtos. E esse é o primeiro passo para estabelecer uma loja virtual com sucesso.

Achar que todos os marketplaces são iguais

Fonte: freepik.

Usar fotos de baixa qualidade dos seus produtos

Para vender bem na internet, é crucial contar com o elemento visual. Afinal, ninguém quer comprar algo que não consegue visualizar.

Por isso, para fazer seus clientes se sentirem mais seguros para comprar com você, use imagens de alta qualidade para vender os seus produtos. Procure também fotografá-los de ângulos diferentes e mostrando cada detalhe.

Esquecer de usar palavras-chave

Na hora de escrever o título e a descrição do seu anúncio, procure incluir palavras-chave. Esses são os termos que alguém digitaria na barra de buscas para procurar um anúncio como o seu.

Então, por exemplo, se você está vendendo um casaco para frio intenso, escreva isso no título e na descrição do produto. Inclua também outras informações, como a cor, o material e o tamanho do produto (de preferência com as medidas incluídas). Assim, você fornece o máximo de detalhes que for possível, o que aumenta muito a segurança do usuário na hora de comprar.

Esquecer de configurar o frete

Ao criar o seu anúncio, você deve também configurar o frete de entrega do produto. Se você não fizer isso, o cliente não poderá ter noção do valor total da compra. Por isso, sempre que for criar um novo anúncio, tenha a certeza de incluir o preço do frete para evitar esse tipo de situação.

Esquecer de configurar o frete

Fonte: freepik.

Não investir em marketing digital

Para vender produtos na internet e criar a sua própria marca, além de saber quais são os erros para evitar no marketplace, você precisa ter uma estratégia de marketing digital. E para criar uma, nada melhor do que contratar uma agência especializada na área.

Uma ótima opção é a Agência IMMA. Voltada para serviços de marketing digital, a IMMA tem tudo o que é preciso para dar o impulso que a sua marca precisa para fazer sucesso online. Para saber mais, entre em contato e faça um orçamento!

Rodrigo Darzi

Rodrigo Darzi

Pai dos filhos Júlia e Pedro. Especialista em Marketing Digital, com MBA em e-Business pela FGV. Formado em Administração de Empresas pelo IBMEC. Empreteco.

× Como podemos ajudar?